A violência na área metropolitana de Brasília

Autores

Arthur Trindade M. Costa (editor)
Universidade de Brasília (UnB)
https://orcid.org/0000-0002-1427-4622
Palavras-chave: Violência - Brasília - Brasil, Homicídios - Brasília - Brasil, RIDE, Brasília - Entorno

Sinopse

Este relatório apresenta um diagnóstico dos homicídios nos munícipios da Área Metropolitana de Brasília (Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Formosa, Luziânia, Novo Gama, Planaltina de Goiás, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso) e o funcionamento das instituições que compõem o sistema de justiça criminal no processamento desse tipo de crime.

Capítulos

  • Introdução
    Arthur Trindade M. Costa
  • Capítulo 1. A Área Metropolitana de Brasília
    Analia Soria Batista
  • Capítulo 2. Descrição dos homicídios na Área Metropolitana de Brasília
    Arthur Trindade M. Costa, Marcelle Figueira
  • Capítulo 3. O fluxo de justiça criminal dos homicídios na AMB
    Cristina Zackseski, Welliton Caixeta Maciel , Arthur Trindade M. Costa
  • Capítulo 4. Os profissionais do sistema de justiça criminal.
    Bruno Amaral Machado , Maria Stela Grossi Porto
  • Capítulo 5. Os jovens em seu bairro
    Yacine Guellati

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AGIER, Michel. L’invention de la ville: Banlieues, townships, invasions et favelas. Paris: Editions des archives contemporains, 1999.

AGIER, Michel. Antropologia da cidade: lugares, situações, movimentos. São Paulo: Terceiro Nome, 2011.

ALDERDEN, M. A.; LAVERY, T. A. Predicting Homicides Clearance in Chicago: investigating disparities in predictors across different types of homicides. Homicide Studies, v. 11, n. 2, p. 115-132, 2007.

ANDRADE, C. C. D. Entre gangues e galeras: juventude, violência e sociabilidade na periferia do Distrito Federal. 2007. Tese (Doutorado em Antropologia Social) –Universidade de Brasília, Brasília.

ANDRADE, L. T.; MARINHO M. A. C. Explorando as relações entre metrópole, juventude e homicídios. E-metropolis: Revista eletrônica de Estudos Urbanos e Regionais, v. 1, p. 13-21, 2011.

ANDRADE, Luciana; MARINHO, A. C. Organização social do território e violência letal na Região Metropolitana de Belo Horizonte: o balanço de uma década. In: ANDRADE, L; SOUZA, Dalva; FREIRE, Flávio Henrique (org.). Homicídios nas regiões metropolitanas. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2013.

AUTHIER, Jean-Yves. Les citadins et leur quartier. L’Année Sociologique, v. 58, n. 1, p. 21-46, 2008.

BACQUÉ, M-H; FOL, S. Effets de quartier: enjeux scientifiques et politiques de l’importation d’une controverse. In: AUTHIER, Jean-Yves et al. Le quartier. Enjeux scientifiques, actions politiques et pratiques sociales. Paris: La découverte, 2006. p. 181-193.

BEAUD, Stéphane. 80% au bac. et après? Les enfants de la démocratisation scolaire. Paris: La découverte, 2003.

BOURDIEU, P. Effets de lieux. In: BOURDIEU, P. (org.) La misère du monde. Paris: Points - Essais, 2007.

BLACK, D. The behavior of Law. New York Academic Press, 1976.

BLACK, D. The manners and customs of the police. New York Academic Press, 1980.

CAIADO, M. C. S. Deslocamentos intra-urbanos e estruturação socioespacial na metrópole brasiliense. São Paulo em Perspectiva, v. 19, n. 4, p. 64-77, 2005.

CALDEIRA, Teresa. Enclaves fortificados: a nova segregação urbana. Novos Estudos CEBRAP, n. 47, p. 155-176, 1997.

CHAVEIRO, E. F.; SILVA, G. E. R. Valparaíso de Goiás, a formação de um município de migrantes no contexto do Distrito Federal. Boletim Goiano de Geografia, v. 32, n. 2, 2012.

CODEPLAN. Brasília e sua região polarizada. Brasília, 2003.

COSTA, A. T. M. Violências e conflitos intersubjetivos no Brasil contemporâneo. Cadernos CRH, v. 24, n. 62, p. 353-365, 2011.

DA MATA, C. C. História. Governo Municipal Santo Antônio do Descoberto/GO. Disponível em: http://santoantoniododescoberto.go.gov.br/2013/?page_id=87 Acesso em: set. 2013.

DAMIANI, A. L. A cidade (des)ordenada: concepção e cotidiano do conjunto habitacional Itaquera I. 1993. Programa de pós-graduação em Geografia Humana, Universidade de São Paulo, São Paulo.

DINIZ, A. M. A.; ANDRADE, L. T. Criminalidade violenta e níveis de integração metropolitana na RMBH. Pensar BH. Política Social, v. 21, p. 23-27, 2008.

FERREIRA, I. C. B.; VASCONCELOS, A. M. N.; PENNA, N. A. Violência urbana: a vulnerabilidade dos jovens da periferia das cidades. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 16., out. 2008, Caxambu-MG.

GARSON, Sol. Regiões Metropolitanas: por que não cooperam? Rio de Janeiro: Letra Capital, 2009.

GILBERT, P. “Ghetto”, “relegation”, “effets de quartier”. Critique d’une représentation des cités. Métropolitiques, fev. 2011.

GOFFMAN, E. Estigma: Notas sobre a manipulação da identidade deteriorada. Rio de Janeiro: LTC, 2010.

GUIA, G. A.; CIDADE, L. C. F. Segregação residencial e reprodução das desigualdades socioespaciais no aglomerado urbano de Brasília. Caderno Metropolitano, São Paulo, v. 12, n. 23, p. 145-168, 2010.

HOLANDA, F. de. O processo de transformação das cidades médias e pequenas do Centro-Oeste: o caso de Luziânia. Universidade de Brasília/DEAUR, 1974. Mimeo.

IBGE. Aglomerados subnormais. Rio de Janeiro: IBGE, 2011.

IBGE. Informações básicas municipais – MUNIC. Rio de Janeiro: IBGE, 2012.

INNES, M. The process structures of police homicide investigations. British Journal of Sociology, n. 58, p. 669-688.

JARVIS, J.; REGOECZI, W. C. Homicide Clearances: an analysis of arrest versus exceptional outcomes. Homicide Studies, v. 13, p. 174-188, 2009.

LAVIERI, J. R.; LAVIERI, M. B. F.; DIAS, L. C. Luziânia, estudo do espaço urbano. Caderno Estudantil, Brasília, Universidade de Brasília (DEAUR), n. 2, 1974.

LEPOUTRE, D. Coeur de banlieue: codes, rites et langages. Paris: Odile Jacob Poches, 2001.

MAGNANI, J. G. C.; SOUZA, B. M. D. (org.). Jovens na metrópole: etnografias de circuitos de lazer, encontro e sociabilidade. São Paulo: Terceiro Nome, 2007.

LITWIN, K. J.; XU, Y. The Dynamic Nature of Homicide Clearances. A multilevel model comparison of three times periods. Homicide Studies, v. 11, n. 2, p. 94-114, 2007.

MARINHO, A. C.; BASEGIO, L. J. Homicídios e relações municipais metropolitanas na Região Metropolitana de Porto Alegre. In: ANDRADE, L.; SOUZA, Dalva; FREIRE, Flávio Henrique (org.). Homicídios nas regiões metropolitanas. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2013.

MARTINI, P. R. et al. Sensoriamento remoto da trilha do Anhanguera: mapeando o percurso de um pioneiro no Brasil do Século XVIII. Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Disponível em: http://www.dgi.inpe.br/siteDgi/eusisser-4/Martini/Artigo_INPEPTV.pdf. Acesso em: set. 2013.

MEIRELES, J. D. Do arraial de Santa Luzia à Luziânia de hoje. In: MEIRELES, J. D. (org.) História do Planalto. Luziânia: Ed. Academia de Letras e Artes do Planalto, 1996. p. 23-139.

MONTEIRO, F. C. S. Águas Lindas do Goiás: reinterpretando sua história por meio de imagens. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA DA UFG, 2., 2011, Jataí – GO. Anais [...].

MORENOFF, J. D.; SAMPSON, R. J.; RAUDENBUSH, Stephen W. Neighborhood inequality, collective efficacy, and the spatial dynamics of urban violence. Criminology, v. 39, n. 3, p. 517-558, 2001.

MORRIS, B. History of criminal investigation. In: NEWBURN, Tim (ed.). Handbook of policing. Cullompton: Willan Publishing, 2007.

NÓBREGA, M. D. S. Representações sociais da moradia e da natureza dos moradores de loteamentos de baixa renda em Águas Lindas de Goiás – GO. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade de Brasília, Brasília, 2009.

NUNES, B. F.; COSTA, A. T. M. Distrito Federal e Brasília: Dinâmica urbana, heterogeneidade social e violência. Cadernos Metrópole, v. 17, p. 35-57, 2007.

PATERNOSTES, R. Prosecutorial discretion in requesting the death penalty: a case of victim-based racial discrimination. Law & Society Review, v. 18, p. 437-478, 1984.

PATERSON, R. D.; HAGAN, J. Changing conceptions of race: toward an account of anomalous findings of sentencing research. American Sociological Review, v. 49, p. 56-70, 1984.

PUCKETT, J. L.; LUNDMAN, R. J. Factors affecting homicide clearances: multivariate analysis of a more complete conceptual framework. Journal of Research in Crime and Delinquency, v. 40, p. 171-193, 2003.

RAMADIER, Thierry. Mobilité quotidienne et attachement au quartier: une question de position? In: AUTHIER, J.-Y.; BACQUÉ, M.-H.; GUÉRIN-PACE, F. Le quartier: Enjeux scientifiques, actions politiques et pratiques sociales. Paris: La découverte, 2006. cap. 10, p. 127-138.

REGOECZI, W. C.; JARVIS, J.; RIEDEL, M. Clearing murders: is it about time? Journal of Research in Crime and Delinquency, v. 45, p. 142-162, 2008.

REGOECZI, W. C.; KENNEDY, L. W.; SILVERMAN, R. A. Uncleared homicide: a Canada/United States comparison. Homicide Studies, v. 4, p. 135-161, 2000.

RIEDEL, M.; JARVIS, J. The decline of arrest clearances for criminal homicides: causes, correlates and third parties. Criminal Justice Policy Review, v. 9, p. 279-306, 1998.

SAMPAIO, C.; PAZ, F.; CORRÊA, G.; CASTRO, S. Arranjos institucionais de gestão metropolitana: O caso da Ride-DF. In: COSTA, M. A. et al. 40 anos de Regiões Metropolitanas. Brasília: IPEA, 2010.

SANTOS, M. A urbanização brasileira. São Paulo: EDUSP, 2008.

SANTOS, M. Natureza do espaço: técnica e tempo razão e emoção. São Paulo: EDUSP, 2008.

SEPLAN. Perfil socioeconômico e demográfico dos moradores da RIDE. CODEPLAN, 2003.

SHAW, C. R.; MCKAY, H. D. Juvenile delinquency and urban areas – A study of rates of delinquency in Relation to differential characteristics of local communities in American cities. Rev. Ed., 1972.

SOARES, L. E. Novas Políticas de Segurança Pública. Estudos Avançados, v. 17, n. 47, 2003.

SPOSITO, M.; BELTRÃO, E. Novos conteúdos nas periferias urbanas das cidades médias do Estado de São Paulo, Brasil. Investigaciones Geograficas, v. 54, p. 114-139, 2004.

UNODC. Gestão e governança da segurança pública no Distrito Federal e Entorno. UNODC, 2011.

VASCONCELOS, A. M. N.; COSTA, A. T. M. Demografia da violência no Distrito Federal: evolução e características. In: PAVIANI, Aldo (org.). Violência no Distrito Federal. Brasília: Editora UnB, 2005. p. 33-56.

WACQUANT, Loic. Parias urbains: Ghetto, banlieues, État. Paris: La découverte, 2005.

WAISELFISZ, J. J. Mapa da violência dos municípios brasileiros. Brasília: RITLA/Instituto Sangari/Ministério da Saúde/Ministério da Justiça, 2012.

WELLFORD, C.; CRONIN, J. An analysis of variables affecting the clearance of homicides: a multistate study. Justice Research and Statistic Association, 1999.

Capa para A violência na área metropolitana de Brasília
Publicado
abril 2, 2020

Detalhes sobre essa publicação

ISBN-13 (15)
978-85-230-1179-6
Bookmark and Share