Dimensionamento na administração pública federal: possibilidades de aplicação e potencial de alcance

Autores

André Luiz Marques Serrano (editor)
Nara Cristina Ferreira Mendes (editor)
Universidade de Brasília (UnB)
https://orcid.org/0000-0002-9938-1071
Pedro Paulo Murce Meneses (editor)
Universidade de Brasília (UnB)
Palavras-chave: Administração federal - Brasil, Gestão de pessoas, Força de trabalho, Eficiência

Sinopse

O Ministério da Economia, órgão central do Sistema de Pessoal Civil da Administração Federal (Sipec), avançando na promoção de boas práticas de gestão de pessoas, tem desenvolvido em parceria com a UnB conhecimento sobre o dimensionamento da força de trabalho (DFT). Assim, esta publicação é o quarto volume de uma série de seis livros sobre o projeto de DFT, na qual são apresentadas as principais questões críticas acerca do dimensionamento como ferramenta de gestão. São abordados, ainda, critérios para a seleção e priorização dos órgãos a serem dimensionados mediante a literatura da análise multicritério, bem como apresentado um dimensionamento executado na prática. O objetivo deste volume da série é compartilhar conhecimento sobre as possibilidades de utilização do dimensionamento no setor público e como pode ser usado como ferramenta de gestão, além de apresentar formas de sua aplicação.

Capítulos

  • Apresentação
  • Capítulo 1 – O Dimensionamento da Força de Trabalho pela ótica de Teorias Científicas : uma análise à luz das Teorias Institucional e da Firma
    Nara Cristina Ferreira Mendes, Patricia Helena dos Santos Martins, André Luiz Marques Serrano, Pedro Paulo Murce Meneses, Diego Tannús Dórea
  • Capítulo 2 – Possibilidades de Integração do DFT com Subsistemas Estratégicos de Gestão de Pessoas
    Pedro Paulo Murce Meneses, Luciana Graziani Barbosa de Araújo, Lucas Soares Caldas, Nara Cristina Ferreira Mendes
  • Capítulo 3 – O Potencial de Alcance da aplicação do Dimensionamento da Força de Trabalho
    Luciana Graziani Barbosa de Araújo, Jéssica de Sousa Riechelmann, Nara Cristina Ferreira Mendes, André Luiz Marques Serrano, Pedro Paulo Murce Meneses, Víthor Rosa Franco
  • Capítulo 4 – O reflexo do absenteísmo no DFT
    Nara Cristina Ferreira Mendes, André Luiz Marques Serrano, Lucas Oliveira Gomes Ferreira, Fernando André Santana de Souza, Gisele Rodrigues Vilela

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

André Luiz Marques Serrano

Professor Adjunto do Departamento de Engenharia de Produção - Faculdade de Tecnologia (FT) e Pesquisador da Pós-Graduação em Ciências Contábeis da UnB, Doutor em Economia pela UnB, Mestre em Economia pela UnB, Licenciado e Bacharel em Matemática na UnB. Coordenador-Geral do Grupo Projectum/UnB e Coordena Projetos no Ministério da Economia (ME), MAPA, TSE e CONAB.

Nara Cristina Ferreira Mendes, Universidade de Brasília (UnB)

Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis da UnB, Mestre em Gestão Econômica de Finanças Públicas pela UnB, Graduada em Ciências Contábeis e Atuariais pela UnB e Pesquisadora do Grupo Projectum/UnB.

Pedro Paulo Murce Meneses, Universidade de Brasília (UnB)

Professor Adjunto do Departamento de Administração da UnB e Pesquisador do Programa de Pós-Graduação em Administração da UnB, Doutor em Psicologia pela UnB, Mestre em Psicologia pela UnB e Bacharel em Psicologia pela UnB. Coordenador do Grupo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Políticas Estratégicas de Gestão de Pessoas no Setor Público – CePGP e do Grupo Projectum/UnB.

Diego Tannús Dórea, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio

Servidor de carreira do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - ICMBio, tendo atuado em diversos órgãos federais, como Ministério do Turismo, Ministério do Esporte, ICMBio e atualmente no Ministério da Economia; é especialista em Gestão Pública, Governança e Políticas Públicas pelo Instituto Federal de Brasília – IFB e graduado em Administração pela Universidade Federal de Uberlândia – UFU.

 

Fernando André Santana de Souza, Instituto Nacional de Câncer (INCA)

Analista em Ciência e Tecnologia do Instituto Nacional de Câncer (INCA). Mestre em Administração e Desenvolvimento Empresarial - MADE/UNESA, bacharel em Administração pela Universidade Estadual de Londrina e Chefe de Projeto do Ministério da Economia.

Gisele Rodrigues Vilela, Instituto Nacional de Seguro Social (INSS)

Servidora do Instituto Nacional de Seguro Social desde 2008 e integra a equipe do Projeto de Dimensionamento da Força de Trabalho-DFT no Ministério da Economia. Especialista em Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação pela UNESA, Especialista em Auditoria Fiscal e Tributária pela UGF e Tecnóloga em Logística Empresarial pela UNESA.

Jéssica de Sousa Riechelmann, Universidade de Brasília (UnB)

Graduanda em Psicologia pela UnB e Pesquisadora do Grupo Projectum/UnB.

Lucas Oliveira Gomes Ferreira, Universidade de Brasília (UnB)

Professor Assistente do Departamento de Ciências Contábeis e Atuariais - Faculdade de Administração, Contabilidade Economia, e Gestão Pública (FACE). Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis da UnB, Mestre pelo Programa Multiinstitucional e Inter-Regional de Pós-Graduação em Ciências Contábeis UnB/UFPB/UFRN e Pesquisador do Grupo Projectum/UnB.

Lucas Soares Caldas, Universidade de Brasília (UnB)

Doutor em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (PSTO) da UnB, Mestre em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (PSTO) da UnB, Graduado em Psicologia pela UnB e Pesquisador do Grupo Projectum/UnB.

Luciana Graziani Barbosa de Araújo, Universidade de Brasília (UnB)

Mestre em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administração (PPGA) da UnB, Graduada em Administração pela UnB, Pesquisadora do Grupo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento de Políticas Estratégicas de Gestão de Pessoas no Setor Público – CePGP e do Grupo Projectum/UnB.

Patricia Helena dos Santos Martins, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) / Universidade de Brasília (UnB)

Mestranda em Engenharia de Transportes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Graduanda em Engenharia de Produção pela Universidade de Brasília (UnB), Graduada em Engenharia Civil pelo Centro Universitário IESB e Pesquisadora do Grupo Projectum/UnB.

Víthor Rosa Franco, Universidade de Brasília (UnB)

Doutor em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (PSTO) da UnB, Mestre em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações (PSTO) da UnB e Graduado em Psicologia pela UnB.

Capa para Dimensionamento na administração pública federal: possibilidades de aplicação e potencial de alcance
Publicado
maio 27, 2021

Detalhes sobre essa publicação

Co-publisher's ISBN-13 (24)
978-65-86503-31-9
Bookmark and Share